Segundo a Presstur, o tráfego do aeroporto registou uma descida de 4.6%. Em Junho, foram realizados 4.136 voos comerciais, nos quais foram transportados cerca de 379.022 passageiros.

A TAP teve uma quebra de 16.5%, em parte devido á greve dos pilotos da PGA pois terá operado menos 630 voos do que um ano antes.

As “low cost” Ryanair e easyJet subiram na preferência. A empresa irlandesa manteve-se em segundo lugar naquele aeroporto com 96.991 passageiros, mais sete mil do que em Junho de 2008. Já a marca laranja, conversou o terceiro posto com 34.528 clientes, mais 4.3 mil do que um ano antes.