A inauguração da linha TGVMadrid – Valência conduziu a alterações no transporte aéreo. Dois em cada três pessoas opta por utilizar o comboio de alta velocidade, preterindo o avião.

A Iberia como a Ryanair estão a redefinir os movimentos aéreos entre as duas cidades. A partir do Verão, a companhia espanhola transfere a rota para a Air Nostrum, concessionária regional que opera com aviões de menor capacidade. A low cost optou por descontinuar Madrid – Valência por, como afirma, ter em carteira outras oportunidades comerciais mais interessantes.

Como já analisamos anteriormente, o transporte aéreo e o TGV têm tido batalhas interessantes nos países leste de Portugal.